Oferta!

Tratamento HIPERCAPILAR para recuperar os cabelos atrofiados

R$ 4.100,00

Descrição

INDICAÇÃO

Hipercapilar é um tratamento para recuperar os cabelos com atrofia e afinamento causada por:

  • Dermatite.
  • Alopecia androgenética.
  • Calvície difusa.
  • Alopecia Frontal Fibrosante*.
  • Rarefação.
  • Menopausa.
  • Uso de formol ou produto químico.
  • Agressão por tintura ou água oxigenada.
  • Corte químico.
  • Desequilíbrio hormonal.
  • Carência vitamínica.
  • Perda capilar pós-COVID e Dengue.
  • Pós-parto.
  • Tratamento de Quimioterapia.
  • Tração dos fios (coque, rabo de cavalo e penteados).
  • Uso de Peruca (Prótese de cabelo).
  • Uso excessivo de bonés e chapéus.
  • Uso de extensões (Megahair®).
  • Alopecia Areata**.

O tratamento é ***eficaz em casos de perda capilar, desde que ainda haja alguns cabelos presentes, mesmo que atrofiados ou miniaturizados.

Antes de efetuar a compra, entre em contato com a clínica para verificar se essa é a opção certa para o seu caso.

*Em áreas onde a derme já estiver fibrosada e não houver mais um folículo, essa área não terá recuperação.

** Em Alopecia Areata em 99% dos casos é esperado uma recuperação expressiva dos fios em até 90 dias . Caso essa esperada recuperação não aconteça, e o caso esteja entre os 1% dos casos que o organismo do cliente não responde ao tratamento, a clínica irá devolver em forma de Cashback (voucher de desconto) 50% do valor pago nessa compra para ser usado em nova compra, de novo procedimento de Microcapilar em nossa clínica. O caso exposto na foto de apresentação desse tratamento é um caso grave de Alopecia Areata. Confira na foto que houve uma recuperação expressiva após os 90 dias.

***A eficácia do tratamento e resposta da recuperação capilar irá depender da resposta de cada organismo ao procedimento. Não há uma expectativa exata quanto a essa resposta para cada organismo. Na prática 90% das mulheres que se submetem ao tratamento tem uma resposta intensa, 10% tem uma resposta menos intensa, mas todos percebem uma mudança na qualidade do fio e diminuição da queda. 60% dos homens que se submetem a técnica experimentam uma recuperação com o engrossamento dos fios e diminuição expressiva na queda por aproximadamente 2 anos.

RESULTADO ESPERADO PELA HIPERCAPILAR

Os primeiros resultados são visíveis em aproximadamente 60 dias e as diferenças notadas serão:

  • Recuperação dos cabelos atrofiados e miniaturizados;
  • Engrossamento dos fios;
  • Melhora visível da qualidade dos fios;
  • Fios de cabelo com mais brilho;
  • Redução expressiva na queda de cabelos;
  • Melhora de dermatites;
  • Equilíbrio da oleosidade;
  • Aumento da densidade capilar;
  • Neutralização dos efeitos da Alopecia Areata (poderão surgir novas falhas com o passar do tempo, que deverão ser tratadas em novo procedimento, com novo orçamento);

Após 3 meses será observado o crescimento* de fios, que chegam a atingir uma média de 2 a 3 cm. Após esse período, o crescimento capilar não para, continuando a desenvolver-se normalmente exceto quando esse crescimento é interrompido por um novo fator desencadeante da queda.

É importante salientar que nos casos em que a queda capilar é causada por fatores externos ou  desencadeantes, como agentes específicos (agressão química, megahair, etc), é essencial interromper esses fatores para manter os resultados alcançados. O cabelo continuará a crescer normalmente desde que esses agentes sejam evitados (exceto em casos de calvície genética).

*fios de cabelo atrofiados e miniaturizados terão uma recuperação expressiva. A eficácia do tratamento e resposta da recuperação capilar irá depender da resposta de cada organismo ao procedimento. Não há uma expectativa exata quanto a essa resposta para cada organismo. Na prática 90% das mulheres que se submetem ao tratamento tem uma resposta intensa, 10% tem uma resposta menos intensa, mas todos percebem uma mudança na qualidade do fio e diminuição da queda. 60% dos homens que se submetem a técnica experimentam uma recuperação com o engrossamento dos fios e diminuição expressiva na queda por aproximadamente 2 anos.

QUANTAS SESSÕES PARA REALIZAR A HIPERCAPILAR?

A Hipercapilar é realizada em uma única sessão com duração de até 5 horas. Se, porventura, for necessário realizar sessões adicionais para reforçar o resultado, estas serão feitas mediante um novo orçamento.

Possibilidade de Nova Sessão

Se a queda capilar retornar e o paciente achar necessário, o profissional realizará uma nova avaliação e, se recomendado, agendará uma sessão adicional do tratamento. O tratamento normalmente inclui uma sessão, mas para sessões além dessas, poderá ser necessário um novo orçamento.

Tratamento HIPERCAPILAR: Revitalização Personalizada para Cabelos Saudáveis

Recuperação dos cabelos em 90 dias após a realização do tratamento Hipercapilar com Elan Mello. Cliente que apresentava a patologia há mais de 3 anos.

Abordagem Mecânica para a Recuperação Capilar

A abordagem mecânica do Tratamento HIPERCAPILAR é fundamental para os resultados alcançados, pois envolve um peeling inteligente e eficaz na derme queratinizada do couro cabeludo com falta de cabelos. Esse processo auxilia na renovação da epiderme afetada por diversos fatores, tais como produtos químicos, exposição aos raios ultravioleta e o próprio envelhecimento. Consequentemente, essa renovação da derme contribuirá para a recuperação capilar. É importante ressaltar que a utilização de peeling químico, abrasivos ou qualquer outro método agressivo poderia comprometer os fios, levando à queda capilar ou até causar danos mais profundos, incluindo cicatrizes que impactariam permanentemente o crescimento dos cabelos nessa área. Portanto, podemos afirmar que estamos diante de um tratamento único, já que não há no mercado um peeling efetivo e intenso, destinado exclusivamente à derme do couro cabeludo.

Concentração de Vitaminas e Revitalização Capilar

O Tratamento HIPERCAPILAR também provocará uma concentração de vitaminas, que migrarão do próprio organismo de maneira direcionada e precisa para a área que está sendo tratada. As vitaminas mencionadas estão presentes no processo de resposta do organismo e na cicatrização do couro cabeludo. Além disso, a riqueza de atividades fisiológicas naturais presentes na cicatrização e na realização do procedimento contribuirão positivamente para a recuperação capilar.

Restauração da Irrigação Sanguínea e Estímulo ao Crescimento Capilar

A irrigação sanguínea também é restabelecida por meio de uma competente vaso-reconstrução, que é uma etapa natural presente no processo de cicatrização da pele humana. No caso da HIPERCAPILAR, essa recuperação dos vasos é ativada, o que otimiza a chegada das vitaminas e nutrientes presentes no sangue, essenciais para o crescimento saudável dos cabelos.

Concentração de Plasma para o Fortalecimento dos Folículos Pilossebáceos

Foto tirada durante a realização da Hipercapilar por Elan Mello, que mostra a concentração do plasma na zona tratada. Não foi usado o desfoque para ocultar a pele por estar ferida, mas sim para evitar mostrar a realização da técnica. O procedimento não dói, não causa feridas, não envolve cortes, não há perda de tecido e não compromete os cabelos existentes.

Durante as 3 horas do tratamento Hipercapilar, ocorre a aplicação controlada de elementos presentes no sangue, como o plasma e os glóbulos brancos (leucócitos), que são obtidos a partir do próprio organismo do paciente. Essa aplicação é realizada por meio de uma técnica que envolve o uso de um instrumento perfurante. Ao penetrar na derme, esse instrumento cria microfuros que funcionam como microdutos. Ao sair da derme, esse instrumento exerce uma pressão contrária, facilitada pela elasticidade da pele devido à presença de elastina na derme, criando um efeito semelhante ao de uma seringa. Esse processo permite direcionar essas substâncias do sangue para os microdutos criados.

Essa abordagem combinada resulta na revitalização e fortalecimento dos folículos capilares, de forma similar à ação das células-tronco na auto-hemoterapia.

Resultados Notáveis Após o Processo de Microcicatrização

Após a cicatrização do procedimento, será possível observar o surgimento de um novo fio capilar. O folículo, que é o orifício pelo qual o cabelo cresce, faz parte da estrutura essencial conhecida como folículo pilossebáceo. As bordas desse folículo, localizadas na parte externa da derme, são revestidas de epiderme. A região tratada passará por um processo de renovação devido ao efeito do peeling ‘inteligente’ mencionado anteriormente, resultando em uma descamação semelhante ao processo natural que ocorre após a exposição solar. A liberação das microcascas ocorre em cerca de 7 dias, levando ao aumento da medida do folículo. Isso, por sua vez, tem um impacto positivo na espessura do cabelo que começa a crescer a partir deste estágio da cicatrização. Ou seja, a partir dessa etapa, o fio tende a crescer mais grosso de acordo com a nova medida do folículo.

Impacto na Lubrificação, Brilho e Redução da Queda Capilar

A redução do calibre do folículo afeta a capacidade das glândulas sebáceas de liberar o sebo, fundamental para a lubrificação adequada dos fios e a grossura dos cabelos. A falta controlada desse sebo resulta em cabelos opacos, ressecados e propensos a quebrar, além de afinar os fios pela redução do calibre. O acúmulo de sebo, que não sai para lubrificar o fio, retido na região da raiz contribui para a intoxicação e saturação da derme e da área da raiz dos cabelos, agravando ainda mais o cenário de deficiência e perda capilar.

Melhoria da Qualidade Capilar Após e Reestruturação

Após a completa reorganização e reestruturação da derme e dos folículos pilossebáceos, retornando ao seu estado normal, os pacientes notarão uma notável melhora na qualidade do cabelo e uma redução significativa na queda. Eles perceberão que os cabelos estão mais grosso, fortes e com um crescimento médio de cerca de 1 cm por mês. Além disso, os cabelos estarão mais brilhantes e adequadamente lubrificados devido ao sebo, que agora, com o folículo enlarguecido, permite a sua liberação e lubrificação dos fios. Isso contrastará com a situação anterior, em que os cabelos eram finos, quebradiços, enfraquecidos, ressecados e propensos à queda. Será visível a impressionante melhora após a realização do HIPERCAPILAR.

Expectativa de Mudança Notável em 60 Dias

A expectativa de observar essa diferença notável é de aproximadamente 60 dias. Isso leva em consideração que um cabelo saudável cresce em média 1 cm* por mês, de modo que, após 2 meses, já se poderá perceber um crescimento de cerca de 2 a 3 centímetros. Os pacientes observarão uma aparência saudável e revitalizada em seus cabelos, livre da queda excessiva que enfrentavam anteriormente, e poderão notar um aumento no volume dos cabelos. 

*Evite cair em golpes ao acreditar em fotos que circulam na internet, mostrando resultados “Antes e Depois” de procedimentos ou produtos com apenas 20 dias de uso ou realização, onde os cabelos crescem 5 centímetros ou mais. É importante considerar que um fio de cabelo saudável cresce em média 1 cm por mês, tornando praticamente impossível notar um crescimento maior que meio centímetro em apenas 20 dias. Essa diferença seria imperceptível em uma foto e pode ser um indicativo de informações enganosas.

Benefícios para Cabelos Atrofiados

O tratamento também é altamente benéfico para cabelos atrofiados que não apresentam mais crescimento ou têm um crescimento muito lento. Através do tratamento, esses cabelos têm a oportunidade de serem estimulados e reativados para retomar o crescimento saudável.

Abordagem Fundamentada, Não um Milagre

O tratamento não deve ser considerado como uma “fórmula milagrosa”, mas sim como uma abordagem correta e fundamentada. Atualmente, contamos com um vasto conhecimento e experiência prática para respaldar nosso método. Os resultados obtidos são verdadeiramente impressionantes, fruto de anos de estudos e acompanhamento rigoroso.

Fortalecimento e Espessamento dos Cabelos

No tratamento, ocorre o fortalecimento e o aumento da espessura dos cabelos afinados, enfraquecidos e miniaturizados. Muitas vezes, os pacientes não percebem a existência desses cabelos em condições debilitadas. No entanto, esses cabelos enfraquecidos, quando submetidos ao tratamento, contribuem para a notável recuperação capilar que é proporcionada pelo método.

Transformação Notável e Eficácia Comprovada

Captura de tela do e-mail do cliente, que demonstra uma recuperação significativa após 3 meses do procedimento Hipercapilar

Esta transformação é marcada por sua clareza, eficácia e, frequentemente, pela intensidade surpreendente. Diferentemente de outros tratamentos, o nosso método é capaz de proporcionar resultados notáveis que frequentemente não são alcançados por outros meios.

Técnica Segura: HIPERCAPILAR – Resultados com Materiais Autorizados pela Anvisa e Ministério da Saúde

A técnica inovadora HIPERCAPILAR é realizada com total segurança, utilizando exclusivamente materiais autorizados e aprovados pela Anvisa e Ministério da Saúde. Com o compromisso de garantir sua saúde e bem-estar, nossa abordagem emprega apenas os melhores materiais, assegurando que cada etapa do tratamento seja conduzida dentro dos mais altos padrões de qualidade e segurança. Você pode confiar que sua saúde está em boas mãos enquanto aproveita os benefícios do tratamento capilar HIPERCAPILAR.

Orientações Nutricionais e Protocolo de Cuidados em Casa

Um protocolo será fornecido, delineando a importância da nutrição em cada etapa da recuperação capilar. Este protocolo destacará vitaminas essenciais para o processo de restauração. Além disso, serão fornecidas orientações detalhadas para manter o tratamento em casa durante os primeiros dias. É necessário seguir rigorosamente o protocolo para garantir a obtenção dos resultados desejados. No entanto, é importante salientar que o procedimento propriamente dito é o principal responsável pelos resultados do tratamento, sendo esse protocolo de vitaminas um complemento que visa otimizar a recuperação.

EU, ELAN MELLO, REALIZEI O PROCEDIMENTO E AGORA COMPARTILHO MINHA EXPERIÊNCIA DURANTE OS PRIMEIROS CINCO DIAS DE CICATRIZAÇÃO

1º dia – Dia da realização do procedimento: O procedimento foi executado de acordo com as melhores técnicas da Hipercapilar, conforme as descrições da técnica. Inicialmente, foi aplicado um creme para reduzir a sensibilidade. Durante o procedimento, foi utilizado o creme TKTX por 40 minutos e, posteriormente, durante a realização do procedimento, usei um creme manipulado contendo lidocaína e adrenalina. A intervenção foi realizada na zona do no vértice (cocuruto, coroa) e nas entradas na linha frontal, com um tempo total de 90 minutos. Após a conclusão, a região apresentou vermelhidão, como ilustrado nas fotos. Durante esse dia, não foi necessário utilizar nenhum medicamento para a dor.

Após 90 minutos, realizei a lavagem da região e observei que a água mais fria proporcionou maior conforto e redução da dor. A área tratada já havia drenado substancialmente, formando uma casca composta por plasma e glóbulos vermelhos, que endureceram no couro cabeludo. Lavei a área até que essa casca fosse completamente removida se dissolvendo. Cerca de duas horas após o procedimento, o efeito do creme anestésico passou, e experimentei alguma ardência, mas ainda era suportável. Optei por não tomar nenhum analgésico. Notei que após a refeição, o desconforto diminuiu significativamente, quase não existindo mais.

Não utilizei pomada, creme cicatrizante ou anti-inflamatório neste dia. Mais tarde, fiz uma viagem de ônibus de seis horas, que começou às 23:00. Ao chegar ao meu destino às 5:40, observei que meu cabelo já estava duro e havia uma maior drenagem (era o segundo dia).

2º dia – Após a viagem, cheguei em minha casa por volta das 6:30 e, devido à drenagem, lavei a área. Durante o dia, a pele permaneceu vermelha e continuou a drenar. A pele estava sensível ao toque ao lavar e pentear os cabelos. Realizei uma lavagem pela manhã às 6:00 e outra à noite, às 19:00. Não utilizei pomada.

3º dia – Acordei com o cabelo que após a note, ainda ficava duro devido à drenagem. Realizei apenas uma lavagem durante a tarde. Nesse dia a sensibilidade estava melhorando. Não utilizei pomada. A cor da região tratada já estava evoluindo de vermelho para um tom vermelho-amarronzado. Na parte da noite, não houve mais drenagem significativa, por isso eu lavei somente uma vez durante a parte da tarde (17:00 h) (consulte a foto). 

Nesse dia, comecei a sentir um desconforto atrás das orelhas, na região do osso. Não parecia ser um inchaço dos gânglios (ínguas), mas sim uma sensação de desconforto na área muscular ou inflamação bem em cima do osso atrás da orelha. Isso poderia ser atribuído à posição em que fiquei sentado durante o procedimento, com o pescoço dobrado e a cabeça inclinada para permitir que o profissional realizasse o procedimento. Também pode ser resultado de um processo inflamatório normal durante o processo de cicatrização.

4º dia – A área não estava mais drenando, e o desconforto diminuiu consideravelmente, embora ainda estivesse um pouco sensível ao toque. Realizei apenas uma lavagem à noite e não utilizei pomada. A casca já começava a trincar e se soltar, estando completamente seca (veja a foto), começando a “esfarelar”.

5º dia – Não houve mais drenagem, e a sensibilidade era mínima, permitindo lavar e pentear a área sem grande desconforto. A casca estava totalmente seca e se desprendendo completamente, revelando uma pele com pouca diferença de tonalidade, ligeiramente mais clara, devido à falta de melanina (consulte as fotos).

Do 6º dia em diante, as cascas foram se soltando gradualmente, permanecendo apenas em alguns lugares do couro cabeludo. Na maior parte do procedimento, as cascas já não estavam mais presentes; em outras áreas, estavam apenas presas entre os cabelos, enquanto em outras ainda estavam aderidas ao couro cabeludo. Isso ocorre provavelmente devido à formação de uma segunda casca em áreas onde a casca inicial foi removida forçadamente, resultando em uma pequena ferida. Esse quadro descrito se repetiu até aproximadamente o 9º ou 10º dia, quando não notei mais cascas e apenas uma leve diferença na cor da pele, que se apresentava ainda um pouco rosada e mais clara (quase imperceptível). A sensibilidade já era muito reduzida.

Após o 7º dia, utilizei um pouco de creme Bepantol durante cerca de cinco dias, aplicando-o duas ou três vezes ao dia. Isso ajudou a hidratar a pele e a soltar as cascas restantes. Além disso, o creme ajudou a aliviar a coceira que, por vezes, ocorria nessa fase da cicatrização.

Cuidados na Cicatrização

  • No primeiro dia, a pele ficará com um aspecto bastante vermelho e até arroxeado na região tratada, sendo normal e esperado.
  • Ao chegar em casa, lave a região com cuidado e aplique o creme dermatológico recomendado. A região estará um pouco sensível, mas mesmo assim, deixe a água correr suavemente e massageie com um shampoo de pH equilibrado, usando água mais morna.
  • Se for necessário, lave mais de uma vez e reaplique o creme.
  • No segundo e terceiro dia, poderá notar um líquido drenando da região; nesse caso, lave mais de uma vez para remover o líquido e deixe secar naturalmente, evitando a formação de uma casca precoce e indesejada nessa fase. No segundo dia, substitua o creme dermatológico por outro tipo de creme orientado e aplique uma fina camada sempre que lavar a região. No terceiro dia, a pele não estará mais vermelha, em vez disso, apresentará uma coloração marrom que indica a formação da micro casca esperada.
  • A partir do quarto dia, lave a região apenas uma vez ao dia, visto que o líquido já não estará presente, e continue aplicando uma fina camada do segundo creme. Nesse momento, poderá notar uma casquinha fina que começará a se desprender. É fundamental não forçar o desprendimento da casca nesta etapa nem em qualquer outra fase durante o processo de cicatrização.
  • Entre o quinto e o oitavo dia, podendo chegar até no décimo dia, as cascas se soltarão naturalmente. Quando o desprendimento se completar e não houver mais cascas visíveis, poderá retomar sua rotina diária anterior ao procedimento. As cascas não se soltam todas no mesmo dia, a não ser que sejam forçadas. Elas se soltaram gradativamente a partir do 5º dia e poderá durar até o 10º dia.
  • Se o procedimento incluiu zonas além do couro cabeludo, visando a recuperação de cabelos atrofiados na região da testa e têmporas, os cuidados devem continuar por mais alguns dias, incluindo o uso de protetor solar nessa área (um protetor solar com FPS 40 sem ingredientes medicinais ou corantes). Evite alimentos ricos em betacaroteno, como: couve manteiga, brócolis, agrião, espinafre, cenoura, mamão, abóbora, manga, acerola, beterraba, batata-doce, milho, maracujá, pimentão, rabanete, damasco, melão, melancia, alface, nabo, ervilha, kiwi, tomate.
  • O uso de protetor solar e a atenção aos alimentos ricos em betacaroteno citados acima, devem continuar por, no mínimo, mais 10 dias, ou conforme orientação.
  • NUNCA REMOVA AS CASCAS e, se optar por usar chapéus, lenços, bonés ou outros acessórios nessa região, tenha cuidado para que eles não causem danos às cascas devido ao atrito. Sempre que possível, deixe a área sem cobertura, permitindo que ela “respire”, evitando cobri-la, a menos que seja absolutamente necessário.
  • Caso ocorra a remoção precoce e involuntária das cascas, isso resultará na formação de novas cascas e nesses casos a recuperação da derme (quando na região da testa) poderá se estender por até 3 meses. É fundamental que, dessa vez, essas referidas segundas cacas, não sejam removidas de forma alguma, pois fazê-lo pode comprometer seriamente o resultado do procedimento. Portanto, é essencial evitar qualquer tentativa de retirar essas cascas, para garantir o melhor resultado possível tanto da cicatrização, quanto da possível resposta na recuperação dos fios.
  • Durante o processo de cicatrização, é fundamental nunca aplicar maquiagem, produto químico, cosméticos, perfumes ou qualquer outro tipo de loção ou produto na região tratada. Além disso, evite o uso de shampoos medicinais (com princípio fármaco ativo) na área onde o procedimento foi realizado. Esses cuidados são essenciais para garantir a recuperação adequada da região tratada.
  • Instruções adicionais serão fornecidas no dia do procedimento. É importante seguir rigorosamente as orientações de cuidados e manter uma comunicação constante com o profissional para obter os melhores resultados.
  • Para qualquer outra dúvida entre em contacto connosco através do WhatsApp +351 935 297 080.

FOTOS QUE MOSTRAM O “ANTES E DEPOIS”, A REALIZAÇÃO E A PROGRESSÃO DOS RESULTADOS ATÉ A RECUPERAÇÃO CAPILAR DO CLIENTE SILAS

Foto tirada antes de realizar o procedimento Hipercapilar em uma zona diagnosticada com Alopecia Areata, que persistia há 3 anos (lateral direita).
Foto tirada antes de realizar o procedimento Hipercapilar em uma zona diagnosticada com Alopecia Areata, que persistia há 3 anos (lateral esquerda e nuca).
Foto tirada durante a realização da primeira sessão de Hipercapilar em Alopecia Areata por Elan Mello, que mostra a concentração do plasma na zona tratada. Não foi usado o desfoque para ocultar a pele por estar ferida, mas sim para evitar mostrar a realização da técnica. O procedimento não dói, não causa feridas, não envolve cortes, não há perda de tecido e não compromete os cabelos existentes.
Foto tirada 3 meses após o início do tratamento Hipercapilar com Elan Mello em Alopecia Areata. Já se percebe uma expressiva recuperação de fios de alta qualidade, grossos e saudáveis (lateral direita).
Foto tirada 3 meses após o início do tratamento Hipercapilar com Elan Mello em Alopecia Areata. Já se percebe uma expressiva recuperação de fios de alta qualidade, grossos e saudáveis (lateral esquerda e nuca).

VEJA O VÍDEO COM O RESULTADO APÓS O TRATAMENTO HIPERCAPILAR, INCLUINDO O DEPOIMENTO DO SR. JOSÉ SOBRINHO E AS IMAGENS DO ‘ANTES E DEPOIS’